Trabalhar com o bebê

10 de fev de 2018

Trabalhar com o bebê

sling Quando nasce um bebê, nasce também uma grande necessidade de adaptação da família. De uma hora para a outra, a mulher torna-se mãe. O homem, torna-se pai. E a rotina familiar muda completamente. O que não muda, são as tarefas que continuamos a exercer após a chegada do bebê! E, é nesse papel que continuamos desempenhando, que o sling se faz peça essencial do enxoval. Com o bebê no sling podemos lavar uma loucinha, colocar roupas para bater na máquina e até pendurá-las. O sling nos dá uma liberdade física, que permite até que trabalhemos no computador, executemos atividades manuais, ou até bater um papinho no “Whatsapp” com as amigas,  garantindo o conforto e mantendo o bebê seguro na melhor posição, a fisiológica. O movimento que a pessoa que carrega o bebê faz, o deixa seguro pois são os mesmos movimentos que a mãe executava enquanto ele estava abrigado na barriga dela. Movimentos embalados por caminhadas, agachamentos o deixam com a sensação de ainda estar dentro do útero. Por isso é muito comum, após colocar o bebê no sling e ligar o aspirador, o bebê dormir profundamente. Tudo é muito familiar, do barulho do arpirador, ao embalo feito pelo corpo materno. E, nos dias em que o bebê está passando por picos de crescimento ou desenvolvimento, o ideal é colocá-lo no sling sem ter hora para tirar! Quanto mais colo, mais segurança você passará para seu bebê! Uma ajudinha nas tarefas de casa ou uma dancinha embalada pelo som que mais lhes agrada, vale tudo para manter o vínculo mãe+pai+bebê cada dia mais forte!   more Parceiros da Revista: - A Papira Gráfica Online, parceira a 04 anos da Revista, faz toda impressão das edições e distribuição para todo o Brasil de nossos exemplares. Na área gráfica, a Papira é destaque na venda de cartão de visita, flyer, panfleto, folheto e materiais gráficos em geral.