Alergias

bb-alergia

Por Carolina Leal

Grande motivo de preocupação das mamães em relação aos seus pequenos é a alergia. Mas você sabe o que é alergia?

A alergia é uma reação ou resposta do sistema imunológico a alguma estranha substância que entrou em contato com o organismo. Esta substância pode ter sido tocada, ingerida ou inalada. O sistema imunológico do corpo reage à substância que causa a reação, chamada de alérgeno, liberando histamina e outras substâncias químicas no sangue, o que pode ocasiona irritações na garganta, congestão nasal, urticária, diarreia, coceira no nariz e nos olhos. Qualquer pessoa pode ter alergia, mas as alergias dos bebês são mais difíceis de serem tratadas, por serem muito pequenos e não conseguirem falar ou expressar o que estão sentindo. Não é fácil descobrir se o bebê apresenta um caso de reação alérgica.

As alergias mais fáceis de serem diagnosticadas e mais comuns são a rinite, asma e dermatite. Se pelos sintomas apresentados pela criança, nem você mamãe e nem o pediatra conseguirem identificar as causas, seria melhor encaminhar a criança a um especialista.

Exames de contato com a pele (uma variedade de substâncias são colocadas sobre a pele) são uma das maneiras utilizadas para se detectar algumas causas de alergia. O resultado é rápido, mas deve ser confirmado em crianças de menos de um ano e meio. Outro exame, chamado de Rast (radio aminosorbent test), pesquisa no sangue elementos que podem ser os causadores da alergia.

Se a criança apresentar dificuldade para respirar, estiver ofegante, mostrar desorientação, ficar pálido e gelado, com o coração disparado, ajuda médica deve ser procurada imediatamente.

Existem muitos medicamentos utilizados no tratamento da alergia.  São eles: anti-histamínicos, descongestionantes, sprays nasais, corticosteróides, medicamentos tópicos, imunoterapia e, em alguns casos,adrenalina. Todos devem ser usados sob orientação médica. Um ponto importante no tratamento, é eliminar o agente causador, que na maioria dos casos, os mais conhecidos são fumaça de cigarro, cobertores de lã, pêlo de animais, perfumes,pó, bichos de pelúcia (ninho de alérgenos) entre outros.

Em muitos casos, a alergia do bebê desaparece quando cresce.Em outros, na vida adulta, a alergia fica mais forte. E, em outros casos, acriança desenvolve um novo tipo de alergia quando mais velha.

You must be logged in to post a comment Login